Valderez cobra hospital de campanha em Araguaína após salto de 650% nos casos de covid-19

'Melhor exceder no planejamento do que falhar pela omissão', disse a deputada.

A deputada estadual Valderez Castelo Branco reforçou ao Governo a necessidade de instalação de um Hospital de Campanha em Araguaína. Em uma semana, a cidade registrou um salto de apenas 6 para 46 casos confirmados da covid-19, ou seja, um aumento de 650% no perído de 21 a 28 de abril. 

Em seu pedido, Valderez explica que essa pandemia exige muitas internações, que devem saturar o sistema de saúde, como já acontece em outros Estados. “Os hospitais de campanha ajudam principalmente a desafogar a demanda por leitos para pacientes com covid-19 de baixa complexidade”, disse.

Por baixa complexidade, a proposta explica que são indivíduos que devem permanecer internados, mas que dispensam a necessidade de cuidados em UTIs.

A deputada também afirma que o pedido se faz necessário não só por Araguaína, mas também pelo fato da cidade ser a referência da Região Norte.

“Vejo a necessidade de viabilidade de instalação de um Hospital de Campanha em Araguaína como forma de planejamento. Acredito sempre que é melhor exceder no planejamento do que falhar pela omissão. Todas as vidas araguainenses importam”, finalizou.

Casos em Araguaína

Nesta terça-feira (28), Araguaína confirmou mais 17 casos da covid-19. Entre os novos infectados estão uma criança de 11 anos e idosos que fazem parte do grupo de risco. 

As pacientes do sexo feminino têm idades de 22, 30, 31, 35, 41, 44, 51 e 65 anos, e no sexo masculino são das idades 11, 13, 16, 22, 39, 39, 49, 49 e 64 anos.

Com esses, Araguaína chega a 46 casos confirmados e 5 curados.

Fonte: AfNoticia